Projetos > Apetrechamento Tecnológico das EB1 do Algarve

Apetrechamento Tecnológico das EB1 do Algarve

AMAL apresentou uma candidatura conjunta ao PO Algarve 21, que abrange os 16 Municípios do Algarve, para apetrechamento tecnológico das EB1 do Algarve, com um investimento total de 675.600 €, sendo a comparticipação FEDER de 337.800 €.

Em 2011 foi apresentada uma reprogramação financeira com o objetivo de se considerar como despesa elegível. 

A referida reprogramação financeira, foi aprovada na reunião da Comissão Diretiva do PO Algarve 21, que se realizou no passado dia 15 de abril, levando à alteração do valor elegível da candidatura para 829.091,10€, repartido pelas 3 tipologias de investimento previstas: 

  • Quadros Interativos - 349.668 €
  • Redes de Área Local (LAN) – 288.773,1€
  • Segurança dos Equipamentos (videovigilância) – 190.650€

Pretende-se com esta candidatura a criação das condições para a generalização do acesso à Internet e para a produção de conteúdos on-line, de forma a permitir a prossecução dos objetivos definidos no âmbito das políticas públicas nacionais para as áreas da Sociedade da Informação e do Conhecimento. 

A candidatura irá contribuir para o reforço das referidas condições, particularmente nas escolas do primeiro ciclo do ensino básico, complementando os esforços já encetados pelos municípios do Algarve neste domínio, e valorizando o papel dos estabelecimentos de ensino na redução das desigualdades no acesso às novas tecnologias. 

Esta candidatura vem responder à maioria dos critérios estabelecidos para a Operação “Economia Digital e Sociedade do Conhecimento”, nomeadamente:
- Contribuir para a prossecução dos objetivos definidos no âmbito das políticas públicas nacionais para as áreas da Sociedade da Informação e do Conhecimento;
- Contribuir para a inovação nos processos de ensino e aprendizagem;
- Qualidade e caráter inovador do projeto;
- Impacto socioeconómico do projeto, atendendo designadamente à satisfação de necessidades sociais;
- Contribuir para a dinamização, divulgação e difusão de conteúdos e aplicações em Língua Portuguesa;
- Contribuir positivamente em matéria de igualdade de oportunidades;
- Contribuir positivamente em matéria de satisfação de carências de cidadãos com necessidades especiais. 

O investimento a efetuar na segurança dos equipamentos (videovigilância) tem por objetivo garantir melhores condições para que os investimentos realizados nas restantes componentes (LAN e Quadros Interativos) cumpram os objetivos definidos ao longo do tempo de vida útil dos mesmos, dissuadindo a sua vandalização e/ou furto.




Última actualização : 2011-12-07 15:25:53