Programa de Apoio à Redução Tarifário (PART) 2019

PART maio2019 passes 02 01

A AMAL, Comunidade Intermunicipal do Algarve, congratula-se com a entrada em vigor dos novos tarifários dos transportes públicos no Algarve, num processo que decorreu com a normalidade desejada e dentro dos prazos delineados.  

A implementação desta medida só foi possível graças ao empenho de todos, sendo de sublinhar o papel fundamental das autarquias e das operadoras de transportes para o sucesso deste projeto, que é vantajoso a vários níveis: permite aos algarvios reduzirem substancialmente os encargos com as deslocações que têm de fazer e é também dado um passo importante em termos ambientais, contribuindo para a redução de automóveis na via pública.

Nesta primeira fase, que arrancou a 1 de maio, os passes dos transportes rodoviários fixaram-se entre os 14 e os 40 euros. Nos transportes ferroviários tiveram já uma redução de 50%, e haverá uma segunda fase, com inicio a 1 de julho, em que os títulos mais caros irão ter uma redução ainda maior, de cerca de 80%, de forma a que nenhum passe custe mais do que 40 euros.

A AMAL está ciente de que esta medida irá contribuir em muito para melhorar a qualidade de vida no Algarve e garante continuar a trabalhar para o bem estar dos algarvios e para o desenvolvimento da região.
(Descarregar tabela em PDF)

Mais informação: PART 2019

Os passes dos transportes rodo e ferroviários de todo o Algarve vão ter preços a partir do 14 euros até a um máximo de 40 euros, numa decisão aprovada hoje pela AMAL – Comunidade Intermunicipal do Algarve, e que significa, em alguns dos casos, uma redução superior a 80% no tarifário atualmente em vigor.

Com esta decisão, a AMAL vai investir anualmente mais de 600 mil euros, que serão entregues a nível de compensação às concessionárias envolvidas, reforçando o Programa de Apoio à Redução Tarifária e permitindo beneficiar os atuais e novos utilizadores dos transportes públicos no Algarve.

A AMAL, que funciona também como autoridade de transportes, dá assim um importante passo para o reforço dos transportes públicos no Algarve, contribuindo para a redução de automóveis na via pública e para uma melhoria da qualidade ambiental, sem esquecer a redução do ruído provocado pela circulação rodo e ferroviária.

O Auditório da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Algarve, na Praça da Liberdade, em Faro, receberá no dia 23 de abril, pelas 15 horas, a sessão ordinária da Assembleia Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL).
A sessão terá como ordem de trabalhos a disponibilização de informação acerca da atividade da AMAL, apreciação e aprovação dos da prestação de contas de 2018 e apreciação e aprovação do orçamento de 2019.
Recorde-se que a Assembleia Intermunicipal, presidida por Adriano Pimpão (presidente da Assembleia Municipal de Loulé), é constituída por 56 membros, eleitos por cada uma das assembleias municipais dos 16 municípios da região.

Ordem de Trabalhos // REUNIÃO ORDINÁRIA // 08março19 //10h00 – Sede da AMAL

10h00 - Início:
1. 3.ª Alteração ao Orçamento e 3.ª Alteração às GOP do ano de 2019;
2. Proposta de Fundo de Maneio para 2019;
3. Informações do Secretariado Executivo Intermunicipal sobre as atividades em curso;
4. Outros assuntos de interesse para os Municípios

10h15m: 5. Plano de Adaptação às Alterações Climáticas – Aprovação (Presença do Coordenador do PIAAC);
10h40m: 6. Proposta de aplicação do Plano de Apoio Redução do tarifário dos Transportes Públicos -PART
– Aprovação (Presença do consultor Figueira de Sousa);
11h15m: 7. 40.º aniversário da UALG – Convite – Presença do Magnífico Reitor da Universidade do Algarve;
11h30m: Reunião com Sua Excelência o Secretário de Estado da Economia – Desafios futuros da região.

Olimpíadas das Alterações Climáticas, organizadas pela equipa do Plano de Comunicação do Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas da AMAL, destinam-se aos alunos do ensino básico e secundário, ou equivalente, das escolas de todos os municípios da região do Algarve. Contam já com mais de 80 inscrições e 360 alunos e professores envolvidos. Está aberta a segunda fase.
Mais informações aqui: https://www.climaaa.com/olimpiadasdasalteracoesclimaticas